5 Séries com mulheres incríveis para você assistir

Semanas atrás eu havia feito um post com 5 filmes com mulheres incríveis para você assistir. Se você não viu, confere que ficou show. 🙂 Continuando no embalo, hoje resolvi trazer 5 SÉRIES que eu amo e que possuem protagonismo feminino. É claro que muita coisa legal acabou ficando de fora. Mas, tentei incluir aquelas que eu já havia assistido, pra poder deixar minha opinião também. Então vamos lá!

▪ GILMORE GIRLS (2000 – 2007)

Sinopse: Lorelai Gilmore (Lauren Graham) tem uma relação tão amigável com sua filha, Rory (Alexis Bladel), que muitas vezes elas são confundidas como irmãs. Entre o relacionamento de Lorelai com seus pais, a nova escola preparatória de Rory, e os romances nas vidas das duas, há muito drama e muita diversão acontecendo. (Fonte)

Opinião: Essa é uma série clássica pra quem curte relações entre família, romance e um pouco de água com açúcar. Porém, não pense que as mulheres da família Gilmore são apáticas e sem graça, muito pelo contrário. Eu amo essa série porque ela é bem longa, mas de certo modo nunca perdeu o seu encanto. Mãe e filha possuem personalidades muito marcantes e não têm medo de seguir os seus instintos e vontades. Adoro demais!

~DICA EXTRA ~

*GILMORE GIRLS: UM ANO PARA RECORDAR (2016)

Uma diquinha extra e rápida no meio dessas 5 indicações. Como vocês podem ver, a série original acima acabou em 2007. Porém, em 2016 nossa querida e amada Netflix trouxe à tona um revival de 4 episódios chamado Gilmore Girls: um ano para recordar. Sério, que coisa boa de assistir! Se você é fã dessas duas assim como eu, deve ter amado essa volta. E o melhor: há especulações de que tenham mais episódios em breve, oh yes! 😀 Recomendo muito assistir pra quem já viu um pouco da série anterior, do contrário, pode se sentir um pouco perdida, mas mesmo assim, vale muito a pena.

Sinopse: Bem-vindo de volta a Stars Hollow. Nove anos depois, saiba o que está acontecendo na vida das mulheres Gilmore: a relação de Lorelai (Lauren Graham) com Luke (Scott Patterson) está em uma pausa desconcertante; a carreira jornalística de Rory (Alexis Bledel) parou antes mesmo de começar e o mundo de Emily (Kelly Bishop) virou de cabeça para baixo após a morte de Richard (Edward Herrmann). (Fonte)

▪ CARA GENTE BRANCA (2017 -)

Sinopse: As mais refinadas faculdades americanas podem representar uma enorme carga de estresss para seus alunos. Tensões sociais, a pressão acadêmica e o medo que vem com a chegada à idade adulta podem ser aterrorizantes. Pior que isso, só se você for um afro-americano, tendo que lidar com os alunos majoritariamente brancos e os estigmas associados a você pela sociedade. (Fonte)

Opinião: Essa série foi uma feliz e incrível descoberta para mim, e mais, um verdadeiro tapa na cara. Ela traz a realidade de jovens negros em uma universidade dos EUA. Se você acha que o racismo é algo que já está resolvido em nossa sociedade, você tem muito o que rever ainda. Essa série é super delicada e leve, ao mesmo tempo, e traz personagens negros (incluindo mulheres incríveis) nas suas diversas nuances, com personalidades diferentes, vontades, objetivos, dores e amores. Amei muito e gostaria de ver uma continuação, aguardando ansiosamente! 🙂

▪ 2 BROKE GIRLS (2011 – 2017)

Sinopse: Para pagar as contas, Max Black (Kat Dennings) trabalha em dois empregos, incluindo um como garçonete de um restaurante. Caroline Channing (Beth Behrs), por sua vez, é uma riquinha mimada que, após perder todo o seu dinheiro, precisa procurar um trabalho pela primeira vez na vida. Trabalhando e morando juntas, Max e Caroline irão começar a juntar dinheiro para investir em uma loja de cupcakes. (Fonte)

Opinião: Fiquei bastante triste quando descobri que 2 Broke Girls havia sido cancelada depois de 6 temporadas. 🙁 Mas, vida que segue. Ainda assim, é muito legal acompanhar a rotina dessas duas mulheres, com estilo de vida e de criação totalmente diferentes, mas ainda assim com os mesmos objetivos. Uma série bem leve e engraçada, mostrando que as mulheres podem sim fazer ótimas comédias e ainda assim ter personagens marcantes e divertidos.

▪ HOW TO GET AWAY WITH MURDER (2014 – )

Sinopse: Michaela, Wes, Laurel e Patrick são ambiciosos calouros de Direito da prestigiada academia East Coast Law School, onde apenas os melhores alunos podem participar de casos reais. Eles competem entre si para conseguir a atenção da carismática e sedutora Professora Annalise DeWitt (Viola Davis), na aula de Direito Criminal 1, também conhecida como “Como Se Livrar de Um Assassinato”. (Fonte)

Opinião: Confesso que eu parei de ver a série a um tempo atrás, não por ser ruim nem nada disso, mas simplesmente porque não estava na ‘vibe’. Mesmo assim, quis colocar HTGAWM nessa lista porque nossa querida personagem Annalise, interpretada pela linda Viola Davis, é simplesmente demais! Sério, que mulher minha gente! Tanto na ficção, quanto na vida real. Que história de vida, que atriz, que pessoa! hehehe sou muito fã dela e acho que ela merece estar nessa lista mais do que tudo. 😀

▪ RITA (2012 – )

Sinopse: Todos os alunos sonham em ter como professora a simpática Rita Madsen (Mille Dinesen), uma mulher de personalidade forte e com talento especial para sua profissão. No entanto, fora da sala de aula a vida dessa professora é um completo desastre. (Fonte)

Opinião: Um verdadeiro achado dentro da Netflix. Rita é a mais minha nova série querida do momento. Sabe aquelas histórias sem pretensão nenhuma, mas que te tocam de algum modo? Essa série se passa na Dinamarca e conta a história dessa professora chamada Rita, que não tem papas na língua. A protagonista faz o que tem vontade e não está nem aí com as consequências. Mas, no fundo, seu coração é enorme, e ela também aprende muita coisa durante sua caminhada. Recomendo muitíssimo!

Série de fotos mostra a beleza do cabelo afro

O casal de fotógrafos Regis e Kahran, de Atlanta, EUA, criaram uma série de fotos linda chamada AfroArt. Os dois são especializados em fotografia infantil e lifestyle, e estão a frente da Creative Soul, empresa criada a mais de sete anos, que tem como principal objetivo divulgar toda essa paixão por uma fotografia mais autoral e bela.

Impulsionados pela falta de representatividade das pessoas com cabelo afro nas mídias, os dois decidiram viajar diversos estados fotografando crianças em composições pra lá de estilosas. Eles afirmam:

“Infelizmente, a falta de diversidade muitas vezes  cria estereótipos de que estas crianças não são “suficientemente boas” e muitas vezes as obriga a terem baixa autoestima. Nós tentamos combater esses estereótipos em nossa fotografia mostrando imagens de pequenos que amam a pele em que estão, seus próprios cachos naturais e sua cultura. Histórias como estas são importantes para mostrar como podemos destruir os padrões atuais de beleza”.

Além da própria série, eles também criaram um calendário com as fotos, e que pode ser adquirido no próprio site da empresa. Veja como ficaram algumas das fotos abaixo! 😍

Siga o casal nas redes sociais:

Site | Facebook | Instagram | Pinterest | Twitter