Como superar o medo de empreender?

Empreender é uma caixinha de surpresas. A gente nunca sabe o que vai precisar enfrentar. E é por esse motivo, que muitas pessoas têm medo de começar a jornada empreendedora. Ok, não é fácil, mas, uma coisa te digo: é libertador! Vender uma ideia, produto ou serviço para alguém, poder fazer tudo do seu jeitinho e a cada dia trilhar um pouquinho mais do seu próprio caminho, é a maior recompensa que alguém pode ter na vida profissional. E se você ainda está com medo de embarcar nessa, vou te dar alguns motivos pra mudar de ideia rapidinho:

  • NÃO EXISTE MOMENTO CERTO PARA COMEÇAR A EMPREENDER: Assim como tudo na vida, não existe um momento perfeito para essa situação. A gente começa a empreender na cara e na coragem mesmo, sem caminho trilhado. Precisamos empreender no momento que estamos e com aquilo que temos.
Andrew Neel
  • ESTUDE MUITO: Se você fizer perfeitamente aquilo que se propõe a fazer (ou seja, aquilo que sua empresa faz), as chances de dar errado são bem pequenas. Todo mundo gosta de um trabalho bem feito. Portanto, estude muito! Estude muito sobre a sua área, tudo que você encontrar pela frente.
  • FAÇA UMA PESQUISA DE MERCADO: Antes de abrir um negócio, você precisa saber se tem compradores para o seu produto ou serviço. Fazer uma pesquisa de mercado, para saber se existem pessoas interessadas no que você faz, é essencial! Não adianta vender pranchas de surf em uma cidade que não tem praia, né? 🙂
  • PLANEJE-SE: Faça um planejamento detalhado de como será o seu negócio. Desde o público alvo, até capital de giro. Outra dica importante é ter uma certa quantia para investir no seu negócio. Se você ainda não tem, comece a guardar aos pouquinhos, para poder usá-la quando imprevistos acontecerem e não ser pego desprevenido.
Bruce Mars
  • DESCREVA SUAS METAS E OBJETIVOS: No seu plano de negócio, descreva detalhadamente as suas metas e objetivos para o próximo ano, daqui cinco e também dez anos. Não pense apenas no AGORA, pense a longo prazo!
  • DIFERENCIE A SUA EMPRESA, DA CONCORRÊNCIA: O que a sua empresa faz, que nenhuma outra faz? Se você tiver uma resposta para essa pergunta, já é um bom caminho andado para o sucesso.
  • PROCURE ACONSELHAMENTO: Não tenha medo nem vergonha de pedir conselhos ou ajuda para alguém mais experiente. Seja para algum conhecido que trabalhe com administração ou até mesmo fazendo algum curso do SEBRAE.
Rawpixel
  • NÃO DÊ O PASSO MAIOR QUE A PERNA: Não tenha pressa de crescer! Respeite o limite do seu negócio. E lembre-se: NUNCA gaste mais do que ganha.
  • ACREDITE EM VOCÊ E NO SEU NEGÓCIO: Mantenha o foco e acredite que você irá conseguir. Empreender possui algumas pedras pelo caminho, porém, é uma caminhada muito gostosa, que vale a pena.

E como saber se você está no caminho certo? Se você sente um frio na barriga e tem aquele brilho no olhar, acredite, você está no caminho certo. O frio na barriga vem da incerteza do que virá pela frente, mas o brilho no olhar, vem da satisfação de fazer o que se está fazendo.

Como superar o medo de fracassar?

Quando estamos iniciando uma nova fase em nossas vidas, ou um novo projeto, é muito comum que tenhamos medo de fracassar. Não adianta. Você pode ser a pessoa mais feliz ou mais bem resolvida do mundo, vai chegar aquele momento em que o seu coração irá acelerar e sua mente questionará: Será mesmo que sou capaz?

Nesse texto aqui, eu havia comentado sobre a minha ansiedade e a síndrome do pânico que me acompanharam fortemente no ano de 2016. Como eu comentei, não foi fácil, e continua não sendo. Apesar de eu já estar 100% “curada”. Escrevo “curada” entre aspas, porque não existe cura para ansiedade ou síndrome do pânico.  Apenas, temos que aprender a conviver com isso, reparando no nosso corpo e cuidando da nossa mente.

Com a nossa sensação de fracasso é a mesma coisa. Faz parte da natureza humana nos sentirmos inseguras de vez em quando. O que importa nesse momento, não é a sensação que você tem, mas sim, o que você fará com isso. Você vai escolher sentir pena de si mesma e aceitar essa sensação? Ou você vai levantar do sofá e fazer alguma coisa a respeito?

A maneira como nos portamos diante dos nossos problemas, nos dizem muito sobre quem somos. Por mais que você seja uma pessoa que tem tendência a reclamar e questionar tudo, você pode mudar a sua postura aos poucos, e aprender a perceber o lado bom das coisas. Aos invés de ficar o tempo todo se perguntando “será mesmo que sou capaz?”, tente mudar a frase para: “De que forma eu serei capaz?”.

A verdade é que não existe um modo de burlar a sensação de fracasso, mas, você pode arrumar maneiras de não se deixar se abater tanto com isso. Está sentindo que não vai dar contar? Silencie os seus pensamentos. Se puder, medite. Essa é a melhor forma de deixar os sentimentos e pensamentos ruins para trás. Supere o fracasso da maneira mais óbvia e mais simples possível: vivendo.