Um papo sobre consultoria

Você já ouviu falar em consultoria, mas não sabe exatamente o que significa? Ela nada mais é do que receber conselhos e opiniões de algum especialista sobre determinado assunto ou área. Quando se tem algum problema na empresa, seja na parte de vendas, marketing, conceito ou tantas outras áreas, se contrata um(a) consultor(a) para aconselhar e orientar.

Nós, do Pagu, trabalhamos com a consultoria criativa. Esse serviço auxilia as empreendedoras criativas, sejam elas ilustradoras, estilistas, tatuadoras, artesãs, ceramistas e tantas outras, a resolver possíveis problemas que possam estar tendo em seus negócios. Nós realizamos encontros particulares com cada empreendedora, podendo ser presencial ou online (pois muitas empreendedoras moram em outros estados).

Daniele Müller

O primeiro encontro serve para que possamos conhecer o trabalho da empreendedora, sua rotina, suas necessidades, os pontos fortes e também os que precisam ser fortalecidos em seu negócio. A partir disso, criamos uma série de estratégias que serão compartilhadas, para que a empreendedora possa aplicar em sua área de atuação. Cada encontro é uma troca de ideias e inspirações para ambas as partes. Além de ajudar a sanar possíveis problemas, a consultoria ajuda a empreendedora a recarregar as suas energias, se motivar e se reapaixonar pelo que faz.

Joshua Niedermayer

A quantidade de encontros necessários, variam de acordo com cada necessidade. Porém, o primeiro encontro é sempre grátis. É uma conversa espontânea e gostosa, que nos aproxima e conecta. Se você deseja marcar essa conversa conosco, é só entrar em contato. Iremos adorar conhecê-la, conhecer também o seu trabalho e saber em quê podemos lhe ajudar. Porque sim, nós mulheres precisamos todas nos unir!

5 provas de que boas fotografias fazem a diferença na hora de vender o seu produto

A fotografia pode ser um item determinante para quem vende produtos online. Infelizmente, é comum acessarmos sites e redes sociais de determinadas marcas ou empresas e encontrarmos fotos que “deixam a desejar”. Sejam fotos feitas por celular, tremidas ou de má qualidade, se um possível comprador está em dúvida na hora de adquirir um produto, uma foto bem feita provavelmente o convencerá de que o produto vale a pena (e vice versa). Não há dúvidas: uma boa fotografia, vende. Quer saber porque? Abaixo, listamos 5 motivos que comprovarão isso:

  • BOAS FOTOGRAFIAS PASSAM CREDIBILIDADE: Quem faz vendas online, precisa passar confiança ao cliente, pois ele não conhece o produto pessoalmente e não quer ser enganado, comprando algo que não cumpra com as suas expectativas. Uma foto bem feita, que mostre todas as características do produto, ajudarão o seu cliente a acreditar que o seu produto possui qualidade, que é bem feito e que você e sua empresa são sérios.
  • BOAS FOTOGRAFIAS REPRESENTAM CAPRICHO: A foto pode ser simples, mas precisa ser bem feita. Iluminação, enquadramento, cenário…são inúmeros detalhes que ajudam a mostrar para o seu cliente que você se importa. Fotos tortas, tremidas ou mal iluminadas passam a sensação de que foram “feitas de qualquer jeito”.
Annie Spratt
  • BOAS FOTOGRAFIAS REPRESENTAM ESTILO/PERSONALIDADE: Uma foto pode dizer muito sobre o estilo, personalidade e valores da sua empresa. Se as fotos forem feitas no campo, por exemplo, os clientes já perceberão que é uma empresa que se importa com o meio ambiente. Não adianta fazer milhões de fotos em estilos diferentes, pois assim você confundirá a todos e não conseguirá atingir o público ideal.
  • BOAS FOTOGRAFIAS DEMONSTRAM O SEU COMPROMETIMENTO COM A SUA EMPRESA: Uma boa seleção e curadoria, na hora de publicar as suas fotos, mostram cuidado e comprometimento, pois seu cliente verá que você cuida de tudo, até dos mínimos detalhes. Lembra daquilo que falei sobre “fazer de qualquer jeito”?
  • BOAS FOTOGRAFIAS APAIXONAM QUEM AS VÊ: Quem nunca viu uma fotografia de bolo e sentiu vontade de comê-lo? Ou então viu uma foto de praia e sentiu vontade de viajar? Fotografias possuem esse poder!
Jesse Orrico

E você, está precisando de boas fotografias? Seja foto de produtos, fotos corporativas suas ou até mesmo um editorial, nós, do Pagu, agora realizamos esse serviço. Entre em contato com a gente, para saber mais. E deixe o seu site, portfólio e até mesmo as redes sociais, ainda mais bonitos e cativantes.

Como criar o hábito de ler?

A leitura só traz benefícios para a nossa vida. Entre eles, adquirir conhecimento, aprimorar a concentração e também expandir o vocabulário. Mas nem todo mundo gosta de ler. Muitas vezes bate aquela preguiça, ou até mesmo a famosa desculpa da “falta de tempo”. Você também usa alguma das desculpas citadas, mas está querendo reverter essa situação? Nós podemos te ajudar!

O primeiro passo, é escolher um livro de algum assunto que lhe agrade. Não precisa ser livro técnico ou um livro clássico, com difícil vocabulário. Pode ser até aquele romance “água com açúcar”, sabe? O importante é que você se identifique com o resumo da história.

Nguyen

Você também não precisa ler o livro de uma só vez. Leia aos poucos, com calma. Vá saboreando cada página, imaginando os acontecimentos e os personagens em sua cabeça. Leia em torno de um capítulo, ou 10 páginas, por dia. Isso basta. Você perceberá que aos poucos, ficará curioso para querer saber o que acontece em seguida, e assim, não conseguirá desistir da história antes de chegar ao final.

Se você precisa de muita concentração, escolha praticar a leitura em locais calmos e vazios, como por exemplo o seu quarto, antes de dormir. Deite em sua cama, de maneira confortável e assim absorva a história escolhida. Agora, se você não possui problemas com barulhos externos, aproveite para ler nas horas vagas, como por exemplo no trem, durante o trajeto até o trabalho, ou em um café, enquanto aguarda o cliente chegar para a reunião.

Alice Hampson

A leitura é um hábito, assim como exercícios físicos, e também requer muita disciplina para ser levada adiante. Mas, acredite: depois de adquirir esse hábito, você não conseguirá mais viver sem um livro ao lado da cama ou até mesmo na mochila. Seja ele digital ou do bom e velho papel.

Como utilizar as redes sociais a favor do seu negócio?

Sim, eu sei. Quando falamos em redes sociais, a primeira coisa que vem à nossa cabeça, é um feed cheio de pessoas tentando mostrar como suas vidas são legais, né? Mas você sabia que essas ferramentas podem ajudar a alavancar as vendas da sua empresa? Atualmente, muitas das grandes empresas têm investido em marketing através do Facebook, Instagram, Twitter e entre outros.

Quer saber como? 

Alguns pequenos detalhes podem transformar as suas contas das redes sociais em grandes canais comunicadores, ao invés de simples páginas. Prepara aí o papel e a caneta, para anotar as diquinhas:

  • CONTEÚDOS RELEVANTES: Sim. As pessoas querem aprender algo. Publicar dicas ou inspirações são muito mais relevantes do que uma simples imagem de “bom dia”.
Kaylah Otto
  • SUAS PUBLICAÇÕES PRECISAM PASSAR ALGUMA MENSAGEM: De preferência, a mesma mensagem que os valores da sua empresa, passam aos consumidores. Passe informações que seu público-alvo ficará interessado em saber.
  • O SEU FEED DEVE SER ORGANIZADO E BONITO: Não basta largar muitas imagens sem sentido, ou sem conexão entre si. Principalmente no Instagram, seu feed precisa gerar impacto visual nas pessoas. Já falamos sobre isso AQUI.
Brooke Lark
  • NÃO FAÇA PROMOÇÕES MIRABOLANTES: Cuide ao criar promoções em suas redes sociais. Elas podem gerar a impressão de que seu produto o serviço não possui o valor que deveria.
  • FAÇA LIVES E STORIES REAIS: As pessoas gostam de ver quem é você, quem é a pessoa responsável pela criação dos produtos que ela utiliza. Apareça! Mostre sua rotina real! Isso gera engajamento.
  • NÃO SE META EM CONFUSÕES: Nas redes sociais, é muito fácil assumirmos opiniões sobre política, religião, comportamento, ou até mesmo futebol. Não exponha suas opiniões tão abertamente, evite as famosas “tretas”.
Anete Lusina
  • EVITE O FAMOSO “SIGO DE VOLTA”: Afinal, você precisa angariar seguidores e curtidas de pessoas que se identificam com o que você faz, que são ou poderão se tornar seus clientes. Não atire para todos os lados, apenas para ter mais curtidas.
  • ESCREVA CORRETAMENTE: Sim, gente. Parece óbvio, mas não é. Você está lidando com clientes, não com amigos íntimos. Por isso, uma boa escrita e um bom comportamento podem fazer a diferença.

E aí, gostou das nossas dicas? Quais delas você já pratica e quais começará a praticar a partir de agora? E se tiver alguma nova dica, não hesite em escrever pra gente aqui nos comentários!