Como é a faculdade de Fotografia?

Muita gente não sabe que ela existe. Pois bem, existe sim e eu (Poliana) sou a prova viva, pois cursei. Fotografia é um curso tecnólogo, que dura em torno de dois a três anos. E nele, se aprende tanto a parte técnica quanto a parte prática da fotografia. Ou seja, o curso abrange um pouco de cada nicho da fotografia, para que o aluno/profissional possa se aprofundar na área que mais se identificar.

Cada semestre corresponde uma área, como por exemplo fotografia publicitária, de arquitetura, fotografia, de eventos, etc. Há também aulas de edição de imagens e de revelação de filmes (uma das minhas favoritas).

O curso não é só sair fotografando qualquer coisa, como muitos pensam. Há sim a parte teórica, em sala de aula, trabalhos e provas escritos, leituras obrigatórias e muito estudo. Mas há também aquela parte mais leve, porém tão importante quanto, que é a prática. Precisamos entregar as fotografias para serem avaliadas pelos professores, de acordo com a técnica utilizada e o tema proposto. Exige muita criatividade!

Se você, assim como eu, adora fotografia e deseja um diploma de graduação, essa opção une o útil ao agradável. Agora, se você já conhece toda a técnica fotográfica e já atua em algum nicho específico, dê a preferência para cursos e workshops voltados para a sua área. Pois lembre-se: sempre, sempre, sempre teremos algo novo para aprender e o mercado está em constante evolução. Ou seja, precisamos evoluir com ele.

7 ilustradoras que você precisa conhecer

Nós somos apaixonadas por todos os tipos de arte. Principalmente, quando se trata de arte feita por mulheres talentosíssimas ao redor do mundo. Por isso, selecionamos aqui 7 ilustradoras que você PRECISA conhecer e seguir hoje mesmo.

  1. Sally Nixon: @sallustration Nós já falamos sobre o trabalho dela, aqui. Sally é americana e retrata através de ilustrações a rotina e situações que toda mulher já passou ou ainda passará pelo menos alguma vez na vida. Seja escovar os dentes durante o banho, sair pra jantar com alguma amiga ou apenas ficar em casa, de pijamas.

Sally Nixon

2. Pri Barbosa: @priii_barbosa Uma ilustradora brasileira, que representa o universo feminino, aceitação e a sororidade através de sua arte. As ilustrações da Pri são facilmente conhecidas pelos traços e também pelos diversos tons de rosa predominantes.

Pri Barbosa

3. Bodil Jane: @bodiljane A holandesa Bodil Jane não poderia ficar de fora da nossa listinha. Dentro das suas temáticas favoritas, estão as ilustrações de pessoas, comidas, lugares e animais. Todas lindas, coloridas e cheias de detalhes.

Bodil Jane

4. Oana Befort: @oanabefort A romena Oana Befort também já passou por aqui (e você pode ver uma matéria inteirinha sobre ela, clicando aqui). Seu trabalho é delicado, realista e cheio de cores. Sua especialidade, por assim dizer, são ilustrações de fauna e flora.

Oana Befort

5. Gemma Corell: @gemmacorell Você provavelmente já conhece o trabalho da inglesa Gemma Corell, sem saber. Já viu aqueles cartoons divertidinhos de uma jovem-adulta perdida na vida, ou então gatinhos preguiçosos? Pois é, essa é a arte dela. Tão bonitinho e engraçado, que não poderia estar de fora da nossa lista.

Gemma Corell

6. Andrea Wan: @andrea_wan Braços, pernas, folhas, galhos… a arte da chinesa Andrea Wan é intrínseca, profunda, íntima. Pessoas desenhadas de maneira inusitada e não convencional, são o que deixam tudo ainda mais especial.

Andrea Wan

7. Amélie Fontaine: @bonjourameliefontaine A francesa que ilustra livros infantis com maestria. Tão coloridos e graciosos que dá vontade de voltar a ser criança para colecionar todos. Conheça o trabalho dela e se apaixone, assim como a gente.

Amélie Fontaine

E agora queremos saber, qual ilustradora você acha que precisa fazer parte dessa nossa listinha? Conta pra gente! Adoramos conhecer trabalhos novos, de gente tão talentosa assim. 🙂

Como produzir fotos mais criativas?

Quem trabalha com fotografia, sabe: chega um momento que as ideias se esgotam, que o “poço da criatividade” seca. Acredite, você não é menos criativo ou talentoso por causa disso. A criatividade, assim como outras características humanas, precisam ser lidadas como hábitos. Ou seja, alimentadas dia após dia, como um exercício mental. E nesse post, daremos algumas dicas de como produzir fotos mais criativas e alimentar seu conhecimento fotográfico.

  • INTERNET, PRA QUE TE QUERO: A internet é mais ou menos como um poço infinito de ideias. Nela, você vai encontrar de tudo. (de tudo, meeeeesmo). Claro, é preciso saber filtrar. Mas o Pinterest, por exemplo, é um local que você vai encontrar muitas referências e ideias novas. Se você ainda não tem, vale a pena criar uma conta por lá. Mas tome cuidado, pois no momento em que você acessa, você tende a passar horas e horas vendo imagens e acaba esquecendo do mundo ao seu redor.
  • PASTINHA DE REFERÊNCIAS: Crie pastinhas de referências. Pode ser online, no computador ou até mesmo a boa e velha pastinha de elástico. O importante é ter um lugarzinho onde você possa acrescentar todas as ideias bacanas, como um baú do tesouro. Quando der branco e a criatividade for embora, basta você acessar essa pastinha e se inspirar novamente! (Ah, lembrando que não precisam ser apenas fotos do seu setor, ok? Coloque fotos de tudo que inspira você! Como por exemplo de locais que você gostaria de visitar, de editoriais de moda, de arquitetura, porque o enquadramento é bonito, porque você gostou das cores… etc! Use a criatividade!).

Lucas Sankey

  • FUJA DO ÓBVIO: Se você precisa de ideias para fotos, procure por essas ideias em outros tipos de arte. Leia um livro, assista a um filme, ouça música. Fuja do óbvio e encontre a criatividade quando você menos esperar!
  • BRINCADEIRA DO FILME: Escolha o trailer de um filme que você adora. Coloque o trailer para rodar e vá pausando em cenas que você acredita que dariam ótimas fotografias. Você se surpreenderá com os enquadramentos e composições inusitadas. A partir dessa simples brincadeira, pode sair uma super ideia, né?

Lilly Rum

  • NÃO FORCE A BARRA: Não adianta passar horas tentando fazer alguma ideia cair do céu. Ela não cairá. Aproveite para dar uma caminhada, tomar um banho quente ou passear em algum lugar novo. Desopile a mente e a ideia surgirá quando você menos esperar. Eu garanto!

E aí, gostou das dicas? Quais dela você já aplica no seu dia a dia? Conta pra gente nos comentários! 🙂

5 Ferramentas digitais grátis para quem deseja empreender

Empreender hoje em dia é muito diferente do que antigamente. Graças a internet, hoje podemos contar com uma imensidão de ferramentas e plataformas que nos auxiliam a alavancar nossos produtos, serviços e vendas. Por isso, resolvemos compartilhar nesse post, 5 FERRAMENTAS DIGITAIS GRÁTIS que poderão lhe ajudar a ter uma rotina mais organizada, e consequentemente, mais produtiva. 🙂

1| TRELLO 

Um dos nossos principais queridinhos, o Trello é uma ÓTIMA ferramenta de gerenciamento de ideias e organização. Nós do Pagu usamos muito para colocar nossas ideias de posts aqui pro blog, metas, plano de negócios, datas das próximas reuniões, etc. Ele é basicamente organizado por quadros, onde você vai inserindo cards conforme as demandas da sua empresa. Existe também uma versão paga da plataforma, onde você pode usufruir ainda mais dos seus benefícios. Acesse o site aqui e crie uma conta agora mesmo!

2 | GOOGLE DRIVE

O Google Drive é certamente uma das melhores plataformas de armazenamento de arquivos grátis. Para você ter acesso a ele, basta ter uma conta de e-mail do Google. Nele, é possível armazenar até 15 GB grátis que podem ser imagens diversas, planilhas, vídeos, fotos, etc. Nós usamos muito para armazenar nossas propostas de serviços, materiais institucionais da empresa como logo, identidade visual, contratos diversos, entre outros. O legal é que você pode acessá-lo de qualquer computador, em qualquer parte do mundo. Acesse aqui e confira.

3 | CANVA

Essa lindeza é com certeza um grande achado da internet! O Canva é atualmente uma das melhores e mais conhecidas ferramentas de design da internet. Está precisando criar algum tipo de layout para a sua empresa e está sem grana no momento? Precisa de cartão de visita? Cards para as redes sociais? Papel timbrado? Infográficos? O Canva com certeza poderá lhe ajudar. A plataforma disponibiliza DIVERSOS templates prontos, que podem ser modificados de acordo com a sua necessidade. É uma imagem mais legal do que a outra! Acesse aqui e experimente.

4 | EVERNOTE

Bastante semelhante ao Trello, o Evernote também irá lhe auxiliar a organizar suas ideias e colocar suas metas no papel. A grande diferença entre eles é que o Evernote é feito para que você possa escrever mesmo, como se fosse um caderno digital. Nele, fica muito fácil criar listas, check-lists, digitar textos, produzir posts, anotar ideias geniais, e por aí vai. No momento nós não estamos utilizando essa plataforma, mas, recomendamos muito para quem deseja tirar as ideias da cabeça e organizá-las da melhor maneira possível. Veja aqui.

5  GOOGLE AGENDA

Outra grande ferramenta da Google, o Google Agenda já salvou nossa pele diversas vezes. Como o nome próprio nome já diz, trata-se de uma agenda virtual disponibilizada pela Google. Assim como o Google Drive, basta você ter um e-mail do Google para ter acesso a ferramenta. O mais legal, é que você também pode acessá-la de qualquer computador, de qualquer lugar.  Além disso, é possível realizar diversas configurações como separar os compromissos por cores, ativar alarmes, programar pautas, unir mais de uma agenda, etc. Uma maravilha não é? 🙂 Acesse aqui.

E você, tem mais alguma ferramenta para nos indicar? Já utilizou algumas destas ferramentas que mencionamos? O que achou? Deixe a sua opinião aqui nos comentário, e não esquece de compartilhar essas dicas com quem está precisando também. 🙂

Como começar a empreender criativamente? 5 dicas práticas para você começar JÁ!

Você é nova por aqui e ainda não sabe exatamente o que significa “empreendedorismo criativo”? Então aproveite para dar uma lida nesse post AQUI. Agora, se você já sabe o que isso significa, morre de vontade de se tornar uma empreendedora criativa mas não faz ideia por onde começar, seu problema terminou! Abaixo, listamos 5 dicas práticas para você começar hoje mesmo, com aquilo que você possui! 😉

Debby Hudson

  1. VOCÊ POSSUI / FAZ ALGUM TRABALHO CRIATIVO? Dentro desta categoria, estão todos os trabalhos que envolvem a criatividade, sejam manuais ou não. Alguns deles são o artesanato, bordado, fotografia, moda, ilustração, design, pintura, etc… Se você executa algum destes trabalhos ou algum outro que também utiliza a criatividade e deseja levá-lo como profissão, este é o primeiro passo para se tornar uma empreendedora criativa.
  2. NÃO TENHA VERGONHA E MOSTRE SEU TRABALHO! Se você não contar sobre a sua arte para o mundo, ninguém saberá o que você faz. Perca a vergonha e mostre aos amigos e familiares o que você gosta de fazer.
  3. DIVULGUE NAS REDES: Atualmente, o Instagram é um excelente canal de vendas. Além de grátis, você pode publicar fotos dos seus trabalhos, vídeos do seu dia-a-dia e também conversar através de mensagens. Outra opção também é criar uma plataforma online, estilo e-commerce.
  4. FAÇA PARCERIAS: Saiba quem é o seu público alvo e faça parcerias com marcas e locais que seu público frequenta. Algumas ideias de parcerias são promoções em conjuntos, editoriais de moda, desconto nos seus serviços para clientes que frequentam o local “X”, assim por diante. São inúmeras parcerias que podem beneficiar você e seu negócio!
  5. NÃO TENHA MEDO DE ARRISCAR: E a última dica, mas não menos importante que as outras: não tenha medo de arriscar, nem medo de críticas. Nem sempre acertamos, nem sempre todos gostam do que fazemos. Mas, só fazendo (e refazendo, e refazendo…) que chegaremos a algum lugar.

E aí, gostou das dicas? Bora começar a empreender hoje mesmo? Tenho certeza que, assim que você começar, não irá conseguir parar.<3